Policial

Polícia Militar conduziu 4 por tráfico de drogas e posse irregular de munições em Três Lagoas

Na noite desta quinta feira (13), durante o policiamento ostensivo preventivo, a Polícia Militar logrou êxito em apreender 09 (nove) tabletes de Maconha e 08 (oito) munições, das quais 07 delas de uso restrito.

Por volta das 22h20min, uma equipe realizava o patrulhamento pela Rua Rio Negro no Bairro Orestinho, e em dado momento uma pessoa fugiu correndo para dentro de uma construção ao ver a aproximação da viatura, logo, os policiais o perseguiram e perceberam que havia pulado o muro acessando uma residência ao lado, onde havia 04 homens com idades entre 23 e 26 anos que negaram ser a pessoa em fuga, dentre eles o proprietário da residência que autorizou os policiais a vistoriarem o local a procura do suspeito.

Durante a busca no quintal do imóvel, os policiais acabaram localizando 01 porção de Maconha sobre a mesa, e ao intensificarem a vistoria, acabou por localizar 01 saco de cor preta contendo 09 tabletes de substancia análogos a Maconha pesando cerca de 8,5 quilos, 01 balança, 01 faca para fracionar a droga, 01 rolo de plástico filme usado para embalar as porções para comercio, 07 munições de calibre 357 sendo 04 quatro deflagradas e 03 três intactas, 01 um coldre de cor preta, e a quantia de R$ 1.952,00 em dinheiro.

O proprietário do imóvel (24 anos) alegou ter adquirido o entorpecente apreendido pelo valor de R$ 6.500,00 e que faria a comercialização em pequenas porções. Os outros 03 homens abordados alegaram estarem no local para adquirir e fazer uso da Droga. Diante dos fatos, todos foram conduzidos e apresentados na Delegacia de Polícia Civil.

O cidadão pode colaborar com a Polícia Militar de Três Lagoas, em caso de EMERGÊNCIA ligue para o 190 (gratuito) ou 3919-9736. Denúncias use o aplicativo WhatsApp 3919-9700. Não precisa se identificar!

Com informações: Assessoria de comunicação social do 2º BPM

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios