Policial

ESTADO: Acidente com oito vítimas foi motivado por traição

O motorista de 29 anos, apontado como suspeito de provocar um acidente na BR-267, o qual provocou a morte dele e de mais 7 pessoas, teria agido de forma intencional, ao descobrir uma traição recente da esposa. Segundo o delegado Rômulo Teixeira, responsável pelas investigações, vários parentes das vítimas procuraram a delegacia e apresentaram esta versão.

“Alguns parentes das vítimas nos procuraram aqui na delegacia e apresentaram esta versão, dizendo que foi um fato intencional. Eles falaram que houve uma traição recente e seria esta a motivação. No entanto, como ele [motorista] faleceu, o que nos importa mais são as circunstâncias do acidente, já que não tem como penalizá-lo”, afirmou ao G1 o delegado.

Segundo Teixeira, os depoimentos foram feitos informalmente e agora todas estas pessoas serão intimadas, para que estas informações constem, de forma oficial, no inquérito policial. “Vamos encaminhar algumas intimações hoje ainda. Precisamos colher certinho estes depoimentos e levantar todas estas informações com as oitivas”, comentou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Vítimas estavam sem cinto, diz perícia – Nesse domingo (4), ao fazer levantamentos no local do acidente, a polícia e a perícia constataram que as vítimas estavam sem cinto de segurança e foram arremessadas.

“Nós analisamos a dinâmica do acidente e constatamos que estavam todos sem cinto e foram arremessados para fora. A princípio, houve a informação de que o acidente foi intencional, porém, não tem nada neste sentido nos depoimentos. Até o momento, trata-se de especulação essa versão”, disse na ocasião o delegado.

Conforme o delegado, havia marcas de frenagem do caminhão na rodovia . “Pelo que apuramos, até o momento, houve uma colisão frontal e o condutor do caminhão estava na via preferencial. O inquérito foi instaurado e, caso seja comprovado algum ato imprudente por parte dele, deve responder por homicídio culposo. Já o condutor da Belina morreu e não existe a possibilidade dele ser penalizado”, disse.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou que o motorista do veículo não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e fez uma conversão na pista porque pretendia pegar uma estrada vicinal e assim desviar do posto da PRF.

Entenda o caso – Oito pessoas morreram em um acidente de trânsito, em Nova Alvorada do Sul, a 120 km de Campo Grande, na noite do último sábado (3). O fato ocorreu na BR-267, perto do Km 238. De acordo com a investigação, houve uma colisão frontal entre carro e um caminhão.

As vítimas foram identificadas como cinco adultos, sendo duas mulheres de 38 e 18 anos, além de três homens de 18, 22 e 29 anos. Já as três crianças tinham 2, 5 e 7 anos. Nenhuma delas estava na cadeirinha e o veículo estava com lotação acima da capacidade, que é de cinco pessoas.

Com informações: Gazeta Morena

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios