BrasilDestaque

Giba tem prisão decretada por dívida de pensão alimentícia dos filhos

Ex-jogador da Seleção Brasileira de Vôlei, Giba, de 43 anos,teve a prisão decretada por dívida de pensão alimentícia dos filhos. O valor do débito alcança R$ 300 mil. A decisão, divulgada inicialmente pelo Grupo Globo, é da Justiça do Paraná. 

De acordo com a reportagem, a ação é de 2018 e foi movida por Cristina Pirv, ex-esposa de Giba e representante legal das crianças. Baseado em perda de receitas após a aposentadoria, o ex-jogador pede, desde 2017, uma revisão dos valores da pensão alimentícia para os filhos.

Giba alega que não consegue arcar com os valores acertados no acordo judicial, uma vez que naquela época ele ainda era jogador profissional. “Cansei de ficar quieto. São sete anos em que eu estou tomando porrada, em que ela (Cristina Pirv) procura a imprensa e expõe as crianças divulgando valores de processos que deveriam ser sigilosos”, disse o ex-jogador ao Globoesporte.  

“É inadmissível fazer isso com os nossos filhos. Se eu fosse um pai ruim, como ela diz, você acha que as crianças me ligariam todo dia, mandariam mensagem!? Veja as minhas fotos com os meus filhos nas redes sociais”, completou. 

Giba venceu a Olimpíada de 2004, em Atenas, com a camisa da Seleção Brasileira de Vôlei. Ele foi eleito melhor jogador do mundo em 2006 e 2007.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios