‘Bebi e perdi a cabeça’, diz ex de policial grávida assassinada em São Paulo

Wilson é atirador esportivo e teria premeditado a morte de Tamires, pois não aceitava o fim do relacionamento

Uma policial militar grávida foi morta a tiros na frente do filho de 6 anos ao voltar para casa em Campo Limpo Paulista, no interior de São Paulo. Tamires tinha 29 anos. O ex-companheiro dela, o empresário Wilson Benedicto Júnior, de 41, é o principal suspeito pelo crime.

Em mensagens de áudio obtidas pelo Cidade Alerta e enviadas à irmã de Tamires, Wilson afirmou que “perdeu a cabeça” e que havia “bebido”. Sem falar especificamente que matou Tamires, ele diz estar em choque. “Eu bebi demais. O que ela fez, eu perdi a cabeça. Não sei nem o que eu estou fazendo mais”, disse.

Tamires e Wilson tiveram um relacionamento de dez anos. Segundo o pai da vítima, Tamires já estava tentando se separar havia dois anos, pois já teria sido traída e agredida. A vítima decidiu então sair de casa, mas Wilson não aceitou a separação.

No áudio enviado à irmã de Tamires, ele ainda disse que a ex-companheira o estaria traindo. Tamires estava grávida de três meses.

O suspeito não aceitou o fim do relacionamento e teria usado o filho do casal como isca para matar a PM. Ela tinha ido à casa do ex-companheiro para buscar a criança, quando foi surpreendida pelos tiros.

Wilson era CAC (Colecionador, Atirador Desportivo e Caçador), tinha diversas armas em casa e usou uma delas para cometer o assassinato.

Após o crime, o suspeito fugiu de carro com um pendrive que continha as imagens da câmera de segurança e o filho, que ele deixou na casa do irmão.

O pai de Tamires afirma que o filho do casal, que teria presenciado o ocorrido, confirmou a uma tia que o pai havia matado a mãe. Familiares ainda não sabiam da gravidez, pois a PM estava de apenas três meses.

Seis horas depois do crime, Wilson foi visto em outra cidade pilotando uma moto e continua foragido. A família da vítima acredita que o empresário premeditou o ocorrido e estaria escondido na casa de algum familiar.

Com informações: R7

Receba Informações na Palma da Sua Mão