No Distrito de Arapuá, Morador é morto após ser alvejado por tiro

No final da tarde desta segunda-feira (25), um morador do Distrito de Arapuá, distante 40 km de Três Lagoas, foi a óbito após ser atingido por disparos de uma equipe da Força Tática do 2° Batalhão de Polícia Militar.

CASO: Tudo começou com um vídeo gravado por Roberto Ferreira conhecido como “Beto”, onde segurando uma arma ele fez ameaças aos policiais militares. “Não estou revoltado nem nada, mas hoje se uma viatura passar, duas, três vezes na frente do meu quintal eu vou meter bala. Se for peão sem vergonha que tem aqui no Arapuá ou se for outro que entrar aqui dentro: todo mundo me conhece.”

Diante da situação de ameaça e para não colocar em risco a guarnição da Polícia Militar do distrito, uma equipe da Força Tática foi acionada.

Ao chegarem ao local, o morador não quis dialogar com os policiais, negando entregar a arma. Conforme havia prometido no vídeo, o morador disparou contra a equipe policial, que por sua vez revidou, atingindo Roberto. Vizinhos ouviram o barulho de dois tiros.

Os policiais ainda socorreram o morador, levando para receber atendimento médico no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, porém ele não resistiu, vindo a óbito.

Com informações: Arapuanews

Receba Informações na Palma da Sua Mão