DestaqueTrês Lagoas

ECOPONTO – Descarte correto de pneus auxilia no combate aos focos de Dengue em Três Lagoas

O recebimento de pneus  inservíveis, mesmo com a Pandemia, continua sendo feito normalmente pelo Ecoponto de Pneus da Prefeitura de Três Lagoas. Com aproximadamente 4.500 unidades estocadas em um barracão próprio, o Ecoponto passou recentemente por uma reorganização para facilitar o recebimento e descarga por parte das empresas.

“Fizemos a separação por tipo e estado de pneu, deixando em ordem de fileiras trançadas, e assim, conseguimos incentivar o mesmo método e zelo àqueles que vêm deixar suas cargas, evitando acúmulo de água e otimizando o espaço do barracão”, explicou servidora da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio, Deise José da Silva, uma das responsáveis pela reorganização.

A engenheira ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Agronegócio (SEMEA), Nayara Gomes, destaca que “recebemos uma média de 24 toneladas de pneus por mês. Este material ainda pode ser aproveitado na geração de energia para indústria de cimento, composição de massa asfáltica e artesanato sem fins lucrativos”, complementa.

CRIADOURO DE DENGUE – Porém, além da questão ambiental, pneus velhos têm sido uma das preocupações dos setores de saúde, principalmente, em relação à dengue. De acordo com o coordenador de Endemias, Alcides Ferreira, a cada ação realizada nos bairros, as equipes recolhem uma média de 700 pneus.

“Infelizmente, muitos ainda não têm a consciência de que pneus podem acumular água e serem criadouros do mosquito do aedes aegypti. Para evitar a proliferação, acabamos por recolher e levar ao Ecoponto, mesmo não sendo de nossa obrigação”, explica.

ENDEMIAS NÃO TEM OBRIGAÇÃO – Alcides pondera que, o Setor de Endemias não tem a obrigação de fazer o serviço de recolhimento. Neste caso, o morador é quem deve encaminhar o pneu inservível para o Ecoponto.

“Este recolhimento é feito de forma a integrar as ações de combate à dengue, porém, este dever é responsabilidade do próprio morador. Caso haja um acordo com o proprietário, existe a possibilidade de deixar o pneu em uma borracharia, já que este setor sempre encaminha os inservíveis ao Ecoponto”.

Recentemente, a reorganização do barracão e a nova regra de descarga de pneus no Ecoponto foram elogiadas nas redes sociais por um proprietário de borracharia.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios