DestaqueMundo

Robinho é condenado a nove anos de prisão por estupro coletivo

O atacante Robinho, atualmente sem clube, foi condenado, nesta quinta-feira, a nove anos de prisão por estupro coletivo.

A Justiça italiana confirmou, em segunda instância, o julgamento inicial. Ele havia sido condenado em primeira instância por crime de violência sexual, junto a cinco companheiros, contra uma jovem albanesa em 2013.

De acordo com o Uol, a defesa de Robinho tentou desqualificar a vítima, exibindo fotografias ao tribunal onde a jovem ingere bebidas alcoólicas. Os advogados do ex-jogador da Vila Belmiro mostraram um dossiê com imagens retiradas das redes sociais da albanesa.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios