DestaquePolicial

ESTADO: Executado com mais de 12 tiros em casa por ‘visitas’ tinha passagens por tráfico, roubo e violência doméstica

Carlos Alberto Ferreira, conhecido como ‘Biguá’, de 50 anos, que foi executado a tiros junto de sua namorada Lubiana da Costa Silva de 27 anos, na cidade de Coxim a 253 quilômetros de Campo Grande, tinha várias passagens pela polícia e estava em liberdade condicional há 1 ano. A polícia ainda procura pelos assassinos.

‘Biguá’ tinha passagens por roubo, tráfico de drogas, ameaça e violência doméstica. Em 2010, Carlos foi preso em flagrante, com 230 gramas de pasta base de cocaína, além de celulares e uma balança. Já em 2014, ele acabou preso novamente por tráfico. Nessa época, Carlos estava sendo investigado, quando foi flagrado vendendo cocaína na “Boca de fumo do Biguá”, segundo o site Coxim Agora.

O casal foi executado com 12 tiros, segundo informações da Polícia CivilO crime aconteceu na noite de terça-feira (5). Carlos foi atingido por oito tiros enquanto Lubiana foi assassinada com quatro tiros dentro de casa, sendo dois na cabeça. Carlos ainda tentou correr da varanda da residência, mas acabou caindo morto na sala da casa. Lubiana estava no quarto do casal quando foi executada a tiros.

Com informações: Midiamax

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios