Três Lagoas

SOBREVOO! Crônicas de Marcio Ribeiro: ANA, TOM e LOURO!

Esta imagem do boneco Louro José depositado numa caixa na Rede Globo de Televisão pela última vez aperta o coração. A foto é de 5/11/2020.É como se o “corpo” do boneco, a exemplo de seu manipulador, também estivesse em um caixão. Se fosse autômato, outro desfecho…O “pássaro” sem asas deitado num canto lembra um Pinóquio sem Gepeto, Um Mickey sem Walt Disney, uma Mafalda sem Quino…

Talvez Tom tenha enfrentado um dilema nesse período de 24 anos manipulando um boneco em um programa de TV. Independente da fama e do reconhecimento salarial que o ator possuía, sempre fica uma insatisfação, um vazio, quando chega a hora de se despir do personagem no fim de cada ato. “Quem sou eu? Um boneco que fala ou um ator sem expressão, imagem e voz?”.

Agora é com você, Ana! Eram três as “personas” em nossas manhãs: Ana Maria, Tom Veiga e Louro José; enquanto no imaginário das crianças eram apenas duas: Ana e Louro. Nesse aspecto, além dos familiares e amigos, as crianças perderam muito com a morte de Tom Veiga. O Louro José sintetizava TUDO para elas no programa: CORPO,VOZ e ALMA!

Criador e Criatura desaparecidos,sem piadas e dancinhas,Tom continua habitando nossas mentes com suas raras imagens de ator tímido e recluso por ofício,enquanto o Louro José voltou a ser boneco,sua real vocação quando concebido, de volta à caixa de Toy Story, gesto semelhante ao de uma criança quando guarda seu brinquedo na hora de dormir…

Descanse em Paz, Tom e Louro!
Prossiga Ana Maria Braga! Agora somos MAIS VOCÊ!

Crônica do Escritor, Poeta e servidor público municipal de Três Lagoas Marcio Ribeiro

OBSERVAÇÃO: A Crônica é um tipo de texto narrativo curto, possui também uma “vida curta”, ou seja, as crônicas tratam de acontecimentos corriqueiros do cotidiano que ‘chamam’ para a discussão de assuntos cotidianos.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios