DestaquePolicialRegião

VÍDEO: Piloto de avião com R$ 30 milhões em cocaína interceptado pela FAB em MS tentou incendiar droga

Suspeito teria atirado na asa da aeronave para destruir provas, informou a Polícia Federal

A PF (Polícia Federal) de Jales (SP) divulgou, nesta segunda-feira (4), alguns detalhes sobre a apreensão dos 663 quilos de cocaína em uma aeronave de pequeno porte que fez pouso forçado entre as cidades de Pontalinda e Jales no último domingo (3). Conforme a PF, os federais encontraram cápsulas de munição de calibre 9 mm, que foram possivelmente deflagradas no local.

“Policiais desconfiam que o piloto, no intuito de ocultar as provas, ele mesmo atirou contra a asa da aeronave para incendiar”, é o que afirmou o delegado federal Alexandre Manoel Gonçalves, chefe da PF em Jales.

No avião, os policiais conseguiram apreender grande quantidade de cocaína. Segundo Alexandre, até a manhã desta segunda, o piloto do avião e um comparsa ainda não foram presos.

Laudo preliminar de constatação deu positivo para cloridrato de cocaína, a forma mais pura e mais cara da droga. O entorpecente foi avaliado em mais de R$ 30 milhões.

A PF segue com as investigações, na tentativa de identificar a dupla que estava no avião e de quem seria a aeronave. O transporte da aeronave apreendida com a droga até o aeroporto de Jales foi realizado com o apoio do Corpo de Bombeiros e Policia Militar de SP.

A cocaína seria encaminhada para o mercado internacional, droga tipo ‘exportação’. A cocaína deverá ser incinerada após autorização judicial. Não há informações a quem a aeronave pertencia

Com informações: Midiamax

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios