BrasilDestaque

Moradora de Mato Grosso do Sul processa Band após Neto chamá-la de ‘dona da zona’

Odete Souza, 46 anos, moradora da cidade de Mundo Novo, está processando a TV Band e o Bandsports, por conta de ofensas feitas pelo ex-jogador e apresentador ‘Neto’, em 2016. Neto chamou Odete de “dona da zona da cidade”.

Na época, neto afirmou nos programas ‘Os Donos da Bola’, ‘Baita Amigos’ e ‘Pânico na Band’ que Odete seria “dona da zona da cidade”, após uma visita ao município.

As afirmações feitas pelo apresentador ocorreram após um vídeo em que Neto chama a moradora de “biscate” viralizar nas deres sociais, conforme publicado no portal UOL.

“É uma coisa que me machucou muito. O Neto veio na minha casa e destruiu a minha vida”, afirmou a paranaense, que pede na Justiça uma indenização por danos morais e materiais de R$ 340 mil das duas emissoras.

“Sempre que saía alguma coisa na televisão, o povo ficava perguntando. Eu não estava ganhando mais nenhum real. Tirei uma foto com ele, e essa foto acabou com a minha vida. Hoje eu tenho uma porcaria de vida”, afirmou a desempregada.

A foto em questão teria sido tirada, em uma visita de Neto a um local indicado como prostíbulo, onde ele foi fotografado ao lado de Odete, que o apresentador identificou apenas como “Dete”.

De acordo Odete o local na verdade era uma loja de conveniência que também funcionava como bar. Ela diz que precisou fechar o negócio depois que a história e sua foto foram compartilhadas nas redes sociais.

Neto precisou ler ao vivo, nesta segunda-feira (1°), durante o programa Donos da Bola, um pedido de desculpas conquistado em uma ação de direito de resposta movida por Odete.

“Eu, Sr. José Ferreira, venho aqui publicamente prestar nota de esclarecimento acerca de um vídeo divulgado por mim no WhatsApp, o qual circulou por toda a rede e consequentemente em vários veículos de comunicação social. O referido vídeo gerou notoriedade de forma negativa a Sra. Odete Rodrigues da Cruz Souza e a seus familiares, bem como a seu víveres tendo em vista que a ofendida reside a anos em um pequeno município, do estado de Mato Grosso do Sul, intitulado por Mundo Novo. Embora eu tenha chamado ela de gostosa, declaro abertamente que a minha intensão não foi ofendê-la nem gerar quaisquer transtornos psicológicos a ela e a outros ligados ao seu vínculo afetivo direta ou indiretamente”, disse.

Mesmo após a manifestação, Carlos Molina, advogado da paranaense, afirma que entrará com outra ação por danos morais e materiais, agora diretamente contra o apresentador. Essa ação deve correr em paralelo com a que é movida contra as emissoras.

Com informações: Midiamax

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios